terça-feira, maio 05, 2009

É proibido proibir - O Amor nos anos 60

(texto que escrevi mais a Carolina para o jornal da escola)

Ao som dos Beatles e de Bob Dylan, nasceu a geração de 60.

Com o fim da Segunda Guerra Mundial, assistiu-se a um fenómeno denominado de “baby-boom” que provocou um aumento considerável de jovens no início da década de 60.

Também nesta altura vivia-se num clima de constante revolta, insegurança e contestação contra a Guerra Fria e a do Vietname. São os jovens que, nesta altura, protagonizam um movimento pacifista, ou seja, contra a guerra.

Em Maio de 1968, assistiu-se, em Paris, à manifestação que seria conhecida como a maior revolta dos estudantes que lutavam tanto contra a falta de condições das Universidades, como contra a Guerra do Vietname, entre outros temas polémicos.

Também nesta altura surgiu o movimento hippie ou contracultura, que era constituído por jovens que contestavam a sociedade e punham em causa os valores tradicionais e a política. Estes jovens defendiam o “amor livre”, a não-violência e as drogas como fuga à realidade. O “Amor livre” consistia na recusa do casamento, dos obstáculos ao divórcio, da censura moral ao adultério, ao aborto e à homossexualidade.

Nesta busca pela liberdade sexual, foram as mulheres que viram a libertação no aparecimento da pílula contraceptiva, que as salvava de gravidezes indesejadas. Pela igualdade, também elas quiseram os mesmos direitos, salários e decisões que até então só pertenciam ao sexo masculino, tendo obtido sucesso, no final da década, através da “Queima dos Sutiãs”.

Numa altura em que se perderam alguns dos valores tradicionais, o mundo viu crescer um movimento de jovens com vontade de causar impacto na sociedade abrindo as portas a novas liberdades e formas de vida alternativas.

3 comentários:

disse...

assim de repente essa imagem de header é a MELHOR!

joana vieira disse...

as ilustrações são tuas? são muito boas...

beijinho!

joana vieira disse...

oh obrigado, é bom saber isso : )

beijinho!

ps: o álbum já não falta muito... ^^